Página inicial > Nossa rede > AMOMAR

AMOMAR

AMOMAR - ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES DO MARUJÁ - PARQUE ESTADUAL DA ILHA DO CARDOSO – PEIC

A AMOMAR - Associação de Moradores do Marujá foi criada em dez de setembro de 1998, com o intuito de oficializar o trabalho comunitário que já acontecia há muito tempo, tendo como objetivo a luta pela manutenção dos moradores tradicionais na Unidade de Conservação, a defesa e manutenção dos diversos recursos naturais e sua fiscalização sobre o meio contra possíveis invasores, além da melhoria da qualidade de vida aos moradores.
A comunidade do Marujá está localizada na restinga sul da Ilha do Cardoso, Parque Estadual pelo Decreto Estadual No 40.319 de 03 de julho de 1962. Atualmente, residem nesta comunidade 51 famílias, com aproximadamente 170 pessoas, com características tradicionais caiçaras.
A atividade econômica principal era a pesca e hoje, se tem o turismo como suplementação de renda. A visitação pública que ocorre nesta área, e nas demais comunidades tradicionais do Parque Estadual da Ilha do Cardoso, segue a metodologia do “Turismo de Base Comunitária”, que busca compatibilizar as necessidades da comunidade com a preservação do ambiente onde está inserida.
Para isso, existe uma infra-estrutura receptiva de aproximadamente 37 áreas de camping, 12 pousadas-residência, casas e quartos para aluguel e alguns serviços de alimentos e bebidas, entre outros serviços gerais para complemento a visitação (como monitoria ambiental, venda de doces, salgados e pães, transporte em canoas, botes ou voadeiras, aluguel de bicicletas, etc), dados estes, que demonstram o esforço da Associação em promover atividades que socializem recursos entre as famílias.
No Marujá, existem estruturas comunitárias que beneficiam a Vila, como: Centro Comunitário, Posto de Saúde, Igreja, telefone comunitário, escola e centro de Visitantes, que são reflexo da preocupação de discutir problemas internos que acontecem há mais de 30 anos.
Como histórico, podem ser citadas com suas principais atividades:
• A rede de abastecimento de água, realizada em 1998;
• Telefone comunitário, em 1998;
• Ampliação do Centro Comunitário, em 1999;
• Festas comunitárias que ocorrem anualmente, como: a Festa da Tainha (em julho), a Festa do Padroeiro (em junho), a Festa de encerramento da alta temporada (em fevereiro ou março), etc.
• Projetos em estudo: para a construção de um complexo cultural, sistema de tratamento biológico de esgoto, potencial para a geração de energia eólica.
• Mutirões que ocorrem periodicamente: recolhimento de lixo da praia e do manguezal, roçada de trilhas, manutenção da barragem de abastecimento de água, reforma de casas e outras estruturas, etc.

AMOMAR - ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES DO MARUJÁ - PARQUE ESTADUAL DA ILHA DO CARDOSO – PEIC (Association of Residents of Marujá)

AMOMAR - Associação de Moradores do Marujá (Association of Residents of Maruja) was established in September 10th, 1998, in order to formalize the community work that has been happening for a long time, aiming to fight for the maintenance of traditional inhabitants inside the Conservation Area, for the protection and maintenance of various natural resources and its protection from potential intruders, as well as improving the residents life quality.
The Marujá community is located in Cardoso Island south restinga (coastal tropical and subtropical moist broad leaf forest), formalized as a State Park by the State Decree 40,319 of July 03rd, 1962. Currently reside in this community 51 households, with about 170 people.
The main economic activity used to be fishing and today, tourism is a complementary source of income. The public visitation that occurs in this area, and in other traditional communities of the Cardoso Island State Park, follows the methodology of "Community-Based Tourism", which seeks to meet community needs with environmental preservation.
Therefore, there is a receptive infrastructure of about 37 campgrounds, 12 bed&breakfast, houses and rooms for rent and some food and beverages service, among other general services to complement the visitation (such as environmental monitoring, snacks selling points, canoes, boats or speed boats transportation, bicycle rentals, etc.). These information demonstrate the Association efforts to promote activities that socialize the resources among the families.
At Marujá, there are community structures that benefit the town, such as: Community Center, Health Center, Church, community telephone, school and Visitor Center, which reflect the concern to discuss internal problems that have been happening for over 30 years.
The main facts and activities:
• Water supply network, established, in 1998;
• Community telephone, in 1998;
• Community Center expansion, in 1999;
• Annual community parties, as: Tainha Fest (mullet fish) (July), Patron Saint Fest (June), High Season Closing Fest (February or march), etc.
• Projects being analyzed: the construction of a cultural complex, biological system of sewage treatment, potential of wind power generation.
• Joint efforts that occur periodically: collection of garbage from the beach and mangrove, cleaning trails, maintenance of the water supply dam, renovation of homes and other structures, etc..


Rua Antonio Colaço de Souza, 120
Carijo - Cananéia / SP
Telefone: (13) 3851-1201
e M w C B